image-1
Foto: Reprodução

A celebração ao Senhor do Bonfim acontece nesta quinta-feira (11), porém o governador Rui Costa (PT) e o prefeito de Salvador, ACM Neto (DEM), se apressaram em mostrar que estão ajudando o símbolo mais soteropolitano da Igreja Católica. Nesta terça (9), Rui autorizou obras na Basílica do Senhor do Bonfim, com investimento previsto de R$ 420 mil, e também no santuário em que começa a tradicional caminhada do corredor da fé, a Catedral Basílica de Nossa Senhora da Conceição da Praia, com a cifra de R$ 200 mil. Já ACM Neto antecipou que assina nesta quarta (10) o edital de licitação para obras de qualificação no entorno da Colina Sagrada, oficializando como um projeto estatal o “Corredor da Fé”, ligando o Memorial de Irmã Dulce à Igreja do Senhor do Bonfim. A cifra é um pouco maior: R$ 30 milhões. Os valores das investidas, todavia, nem é o que mais chama atenção. A novidade do processo eleitoral de 2018 é que os dois gestores querem, além de medir a popularidade durante o cortejo, receber as bênçãos das Irmandades que auxiliam na administração das basílicas. É como se a fé que ambos fazem questão de professar, independente do período eleitoral, tivesse ficado mais fervorosa às vésperas de mais uma Lavagem. Rui e ACM Neto travam disputas a todo o instante. Seja por espaço na imprensa, por estratégias de comunicação, para ver quem fez mais obras para Salvador, quem mudou a cidade ou simplesmente para ver quem tem o maior quinhão de responsabilidade pela capital baiana deixar de ser uma terra arrasada pós-João Henrique. Como se não bastassem as disputas eleitorais, os dois também começam a disputar a atenção do Senhor do Bonfim, que não deixa de ser beneficiado com as intervenções propostas pelo governo e pela prefeitura. Aos reles devotos, que não possuem recursos públicos para investir, resta apenas torcer para que justiça e concórdia do Hino ao Senhor do Bonfim operem no processo eleitoral em curso. Este texto integra o comentário desta quarta-feira (10) para a RBN Digital, veiculado às 7h e às 12h30, e para as rádios Irecê Líder FM e Clube FM. (BN)