REDEERGUERLAPA-728x90px

capa codevasf

A Companhia de Desenvolvimento dos Vales do São Francisco e do Parnaíba (Codevasf) realizou nesta terça-feira(20), no Auditório da sua 2ª Superintendência Regional,  em Bom Jesus da Lapa, a 1ª Capacitação de Aquicultura do Médio São Francisco baiano.

halei

De acordo o superintendente regional da Codevasf, Harley Nascimento, que fez a abertura  oficial do evento,   a aquicultura sempre foi uma das principais ações desenvolvidas pela Codevasf, e que as ações do órgão  começaram na região no ano de 1983, a partir da estação de psicultura de Ceraíma, na cidade de Guanambi, com foco nos 80 municípios do Médio São Francisco. E que mesmos com as dificuldades apresentadas nos últimos anos, a Codevasf não deixou de investir e promover ações de incentivo ao desenvolvimento da psicultura.

Harley finalizou destacando, que dependendo dos resultados da 1ª Capacitação de Aquicultores, que teve uma grande número de inscritos, no primeiro semestre de 2019 a Codevasf oferecerá o curso outra vez para a região.

codevasf lapa mulher

Já  Isabel Denis, técnica da Unidade de Desenvolvimento Territorial da Codevasf, em Bom Jesus da Lapa, destacou que  o encontro surgiu da necessidade da disseminação de informações fundamentais para as iniciativas de aquicultura, que foram  observadas a partir dos  contatos com associações beneficiadas pelas ações da Codevasf,  que são responsáveis pelo  fortalecimento  da aquicultura na região. E que a proposta foi oferecer orientação para os pequenos produtores que estão criando peixes e não têm acesso a ações de assistência técnica. Com a proposta de unificar os conhecimentos, transformando os participantes do curso  em multiplicadores.

Durante o dia de evento, os palestrantes da própria Codevasf e de instituições convidadas como a Bahia Pesca, empresa pública vinculada à Secretaria Estadual da Agricultura (Seagri), e a Secretaria Municipal de Meio Ambiente de Bom Jesus da Lapa, passaram orientações em diversos campos relacionados à aquicultura para fortalecer a atividade na região

O curso   foi  voltado para as pessoas que já trabalham com piscicultura  ou que têm interesse em iniciar um trabalho na área e contou com a participação de 11 municípios.

Veja as fotos