manifestação
credito da foto: Paulo Alberto

Integrantes do Movimento dos Atingidos por Barragens, das comunidades rurais de Fundo e Feixe de Pasto  e estudantes da região Oeste da Bahia, realizaram uma paralisação na BA 349 que liga o município de Santana Maria da Vitória ao município de Correntina no início da manhã desta quarta-feira(11), em defesa do ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, da democracia e das águas do cerrado.

As representações questionam a legitimidade da prisão de Lula, e destacam que depois de anos de investigação, nem a Polícia Federal, nem o Ministério Público, muito menos Moro encontraram uma prova sequer de sua culpa. “Moro persegue Lula, e isso é um golpe contra a democracia”, afirmam.

Falam ainda que a manifestação também é em defesa das águas do cerrado, contra a ganância do agronegócio e as conveniências dos que representam o Estado, que ignoram  o que está acontecendo na região de Correntina e no oeste da Bahia.

Veja as fotos:

QUER COMENTAR?

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui