Governador autoriza recuperação emergencial da BA 160 com cascalho; licitação do asfalto deverá sair até dezembro, diz Rui

0
LojaoCosta-350x250px
jota-peg-1-696x455
A BA 160 que deveria ser um elo e desenvolvimento se transformou no símbolo do abandono e da exclusão, simplesmente por não existir trafegabilidade/Foto: José Hélio/Notícias da Lapa

Depois de várias cobranças e manifestações promovidas pelas comunidades Quilombolas, na manhã deste sábado(9), pela recuperação da BA 160, trecho de Bom Jesus da Lapa à Malhada, aproveitando a visita do Governador a cidade de Bom Jesus da Lapa, o resultado foi positivo. Rui Costa anunciou a recuperação da BA 160. Inicialmente será feito um trabalho de forma emergencial com  cascalhamento, através do Consorcio do Velho Chico, para melhorar a trafegabilidade, e posteriormente, até dezembro será feito o processo licitatório para a recuperação asfáltica.

Será transferido para o Consorcio Velho Chico o recurso para fazer a recuperação, e dar trafegabilidade a estrada. O governado recebeu um documento da Comissão, representado a BA 160, solicitando um projeto definitivo dos 60 Km  de asfalto. “E eu já autorizei, já determinei, que além desses R$ 650.000,00, eu já determinei ao Secretário Marcos que publique a licitação do projeto, para que até dezembro a gente tenha o projeto executivo, e possa em seguida licitar a estrada”, afirmou Rui.

Ele afirmou também, que o trecho da BA 160 de Bom Jesus da Lapa à Ibotirama, já está sendo feito o processo licitatório para fazer a recuperação asfáltica.

LojaoCosta-350x250px

Para o Padre Marcos, que acompanha várias comunidades Quilombolas, e que provocou o debate juntamente com as lideranças quilombolas, para a manifestação pacífica na visita do governador, em nome da BA 160, “o anuncio de Rui Costa representa uma grande vitória para as comunidades tradicionais e assentados que há muitos anos sofrem com a falta de trafegabilidade da principal via de acesso a 19 localidades, maioria delas Quilombolas. Para nós cristãos, povos quilombolas, assentados, comunidades tradicionais, esse momento é de suma importância, pois é um momento de vitória. Há quanto tempo nós já estamos lutando, levantando a voz para que o governo pudesse olhar em prol desse povo. E hoje, como fruto dessa manifestação que nós fizemos em frente do aeroporto, levantando faixas, exigindo o dialogo com o governador, articulamos a comissão, que foi acolhida pelo governador, [comemora] e ele dar essa resposta positiva agora”, destacou.

A BA 160 já foi tema de várias denúncias , onde as representações por diversas vezes cobraram uma solução do Governo do Estado.

A BA 160 começa em Ibotirama e termina em Malhada, é a principal estrada que liga Bom Jesus da Lapa a dezenove comunidades, a maioria delas quilombola, onde está localizada uma das primeiras comunidades quilombolas reconhecidos no Brasil, Rio das Rãs.

A respectiva estrada foi inaugurada em 1990 e liga os municípios de Malhada a Bom Jesus da Lapa. Na época a intenção era escoar a produção do projeto Formoso em Bom Jesus da Lapa, inclusive, a estrada era um importante elo para o Norte de Minas Gerais. Foi esquecida, sendo considerado pela Confederação Nacional do Transporte (CNT) por diversas vezes como uma das piores do Brasil, mesmo assim o governo estadual não se mobiliza para recuperar este importante via que dá acesso a essas comunidades.

O site Noticias da Lapa, já fez várias matérias sobre esse assunto de interesse social e está acompanhando todos avanços de cada conquista.