População volta a reclamar de animais soltos na BA-161 em Serra do Ramalho

0
GrupoSCosta-350x250px

 

Moradores de Serra do Ramalho, no oeste da Bahia, retomaram suas queixas acerca da presença de animais de grande  porte soltos na BA-161 que atravessa o município. A visão desses animais vagando na rodovia é não apenas preocupante, mas também perigosa, e se tornou uma situação  cada vez mais comum.

BahiaFArmShow-350x250px

Nesta quinta-feira(9), um vídeo compartilhado em grupos de mensagens locais capturou o registro de animais soltos entre as Agrovilas 8 e 10, destacando a potencialidade do risco(veja vídeo).

No último sábado(4), uma moradora do município, que era enfermeira e trabalhava em Bom Jesus da Lapa,   morreu após bater  em um animal solto na BR-349, antes da entrada da Agrovila I. A tragédia trouxe à tona  o problema recorrente ao longo da BR-349 na região, e também na BA-161, que atravessa Serra do Ramalho: acidentes causados por animais soltos na pista.

Mais uma vez, vale lembrar que permitir que animais circulem livremente em rodovias coloca em perigo não apenas os motoristas, mas também os próprios animais. De acordo com a legislação, essa prática é considerada um crime. Os proprietários dos animais podem ser responsabilizados com base no artigo 132 do código penal, que aborda situações que exponham a vida ou saúde de terceiros a perigos iminentes, bem como no artigo 31 da lei de contravenções penais, que versa sobre deixar em liberdade animais perigosos sem a devida cautela ou confiá-los a pessoas inexperientes.

QUER COMENTAR?

Digite seu comentário!
Digite seu nome aqui