Após morte de vendedor abulante  por coronavírus em Santa Maria da Vitória, prefeito Eures Ribeiro proíbe entrada de mascates no município de Bom Jesus da Lapa

0
LojaoCosta-350x250px
Foto: Metro1

Após a morte  de um um  vendedor ambulante (mascate)  por  coronavírus em Santa Maria da Vitória, na manhã desta quarta-feira(13), o prefeito  de Bom Jesus da Lapa, Eures Ribeiro(PSD) decidiu tomar novas  medidas preventivas contra o covid-19: decretando a proibição da entrada de mascate no município.

Em um áudio divulgado nas  redes sociais, na tarde desta quinta-feira(14), Eures Ribeiro chamou a atenção da população lapense para o primeiro  óbito registrado na região, destacando que  prefeitura irá publicar um novo decreto proibindo a entrada de vendedores ambulantes na cidade. O gestor afirmou que conversou com o prefeito de Santa Maria da Vitória, Renatinho, sobre a situação. “O pessoal do Ceará, que todos os anos vem pra nossa região para poder comercializar, mascatear, e vender as redes nos braços de porta em porta, pra ganhar com dignidade o seu pão de sua família, o seu sustento, estão vindo  para cá de uma área extremamente contaminada.[…] as vezes de lugares nem contaminados, e acabam contaminando até no próprio caminho, vindo para cá”, explicou.

LojaoCosta-350x250px

“Esse não é o momento da gente ficar para cima e para baixo. É o momento da gente quetar em nossa casa, no nosso lar. A gente vai buscar renda e lucro e acaba encontrando a morte. E esse mascate, acabou morrendo por coronavírus lá no hospital de Santa Maria da Vitória. O primeiro óbito, imagina? É o primeiro óbito por coronavírus”, alertou o prefeito lapense.

Ribeiro frisou, que os mascates que vem de outros estados para a região precisam ser proibidos de entrar nas cidades para evitar de contaminar a população. E depois desse caso registrado em Santa Maria da Vitória, ele irá baixar um novo decreto, proibido os camelos e  mascates de terem acesso ao município de Bom Jesus da Lapa. !Não venha, porque vocês não vão entrar! Não venha! Porque onde vocês estiverem, nós vamos  prender toda a mercadoria de vocês”, avisou.

O gestou comunicou que ficou  sabendo que existe um grupo de mascates em uma casa alugada  em um dos bairros da cidade, e ele já está mando uma equipe de saúde até o local para testar todo mundo, e um carro do município vai ser colocado a disposição, para que os mesmos desocupem o município de Bom Jesus da Lapa. “Agora não  é hora de comércio, agora  é hora de saúde! Então, é bom você mascates preservarem a vida de vocês”, frisou.

O prefeito pontuou ainda, que Bom Jesus da Lapa não tem um romeiro, devido a pandemia,  então não tem motivo para os vendedores virem para cidade, porque não tem quem vai comprar os produtos. “E vai acabar vocês perdendo a vida, como aconteceu com esse mascate que veio para a região de Santa Maria da Vitória e morreu de coronavírus. Então, eu estou dando aqui a notícia: Bom Jesus da Lapa está aqui decretando”, e  finalizou convocando os prefeitos da região a tomarem as mesmas medidas: “também oriento os prefeitos a fazerem o mesmo. Decretem, proibindo os mascates de terem acesso aos municípios de vocês, porque eles podem ser um transmissor do coronavírus para o seu município”, destacou Eures.

Primeiro óbito na região

O paciente tinha 45 anos, era  vendedor ambulante e é natural da cidade de Juazeiro do Norte, no Ceará. Ele estava na região há quatro dias, hospedado em uma casa na cidade São Félix do Coribe,  e deu  entrada  no Hospital Municipal José Borba,  em  Santa Maria da Vitória,  na segunda-feira (11), depois de ser atendido na Unidade de Pronto Atendimento (UPA), com quadro de insuficiência respiratória. E faleceu em menos de 24 horas, após da entrada na unidade hospitalar.

Clique AQUI e curta nossa página  no Facebook, e fique atualizado diariamente.