Com 55 anos de história, procissão fluvial celebra dia do Bom Jesus dos Navegantes em Bom Jesus da Lapa

0
LojaoCosta-350x250px

Centenas  de católicos participaram da tradicional procissão fluvial pelo rio São Francisco em homenagem ao Senhor Bom Jesus dos Navegantes, em Bom Jesus da Lapa, na tarde deste domingo (12).

Embarcações acompanhando o andor/Foto: José Hélio/Notícias da Lapa
LojaoCosta-350x250px

Antes da procissão, o Padre Nilson Claudino fez uma celebração na Barrinha, onde abençoou 55 mil alevinos que foram soltos no rio São Francisco pela Colônia dos Pescadores com o apoio da Codevasf. Após a ação, os fiéis seguiram em diversas embarcações  por um  trecho do rio, e retornaram para a praia da Coroa.  Lá, uma grande quantidade de pessoas  já aguardavam a chegada do andor, que saiu em procissão pela ruas da cidade de Bom Jesus da Lapa, até a Igreja da Nova Brasília.

Foto: José Hélio/Notícias da Lapa

Durante o trajeto da procissão no rio São Francisco, uma equipe da Marinha acompanhou as embarcações, orientando os condutores e passageiros, além de ajudar no embarque e desembarque.

Chegada do Andor na Barrinha/ Foto: José Hélio/Notícias da Lapa

A programão da  festa do  Bom Jesus dos Navegantes começou logo nas primeiras horas  da manhã, com uma Alvorada festiva pelas ruas de Bom Jesus da Lapa, finalizando com um café da manhã  na Colônia dos Pescadores.

Foto: José Hélio/Notícias da Lapa

Já no início da tarde, os  devotos,  lapenses e romeiros participaram de uma concentração cultural em frente da Igreja da comunidade do Bairro Nova Brasília, com a participação dos reisados das comunidades de Piranhas, de Nossa Senhora da Soledade e da Lagoa Grande.

Padre Nilson abençoando os alevinos que foram soltos no rio são Francisco/Foto: José Hélio/Notícias da Lapa

Apesar de não haver uma data precisa sobre a origem da festa, acredita-se que ela tenha iniciado ainda no século XVIII, momento em que o tráfico negreiro e o comércio marítimo eram bastante intensos. O culto ao Bom Jesus dos Navegantes surge quando os marinheiros começaram a pedir proteção ao Bom Jesus contra as mazelas que os afligiam durante as longas viagens.

Multidão de devotos esperando a chegada do andor na Coroa/Foto: José Hélio/Notícias da Lapa

Fé e tradição podem definir as motivações dos devotos da religião católica em uma celebração que já dura 55 anos em Bom Jesus da Lapa.

Curta  nossa página no Facebook e mantenha-se atualizado diariamente, clique e participe. Envie vídeos, fotos e sugestões de pauta para a redação do Site Notícias da Lapa  no (77) 99834-7559.