Lixão de Lapa é tema da sessão na Câmara de Vereadores.

0
LojaoCosta-350x250px

A Câmara Municipal de Bom Jesus da Lapa realizou na manhã desta terça-feira (30) uma sessão polêmica e produtiva, sobre questões ligadas ao lixo, a implantação de um aterro sanitário na cidade e questões como a coleta e reciclagem dos resíduos foram abordadas pelos vereadores.

Segundo  alguns vereadores, diversas são as reclamações que chegam a eles sobre a situação do lixo em Bom Jesus da Lapa. O vereador Jair do Leocádio (PSDB), após receber várias denúncias, compareceu essa semana ao local, atualmente destinado a receber o lixo produzido pela população e fez diversos registros fotográficos e vídeos do local e de pessoas que lá trabalham. Segundo Jair, o local está “próximo às vias urbanas, sem condição de permanecer na situação em que se encontra. Cheguei a presenciar crianças de sandálias separando lixo”, disse.
Fato que motivou o parlamentar a apresentar o requerimento nº 084 de 2017 solicitando da Prefeitura a criação de um aterro sanitário e melhorias nas condições dos trabalhadores desse setor. Crianças de sandálias separando lixo.

LojaoCosta-350x250px

Segundo o vereador Leo de Lió Dourado, já existe área comprada para essa finalidade. Leo disse que o prefeito “já desapropriou uma área e nos próximos dois meses já será sanado esse problema”.

O parlamentar Romeu Thessing disse apoiar a iniciativa e falou da necessidade (urgente) de abrir se abrir um debate sobre meio ambiente, água e o destino final do lixo. “Essa questão nos temos que debater”, disse Romeu.
Outro vereador que se manifestou foi Leonel Cardoso, que informou que já há um projeto para o aterro sanitário na FUNASA e sugeriu formar comissão para verificar os detalhes na Fundação Nacional de Saúde de Bom Jesus da Lapa.
O presidente da Câmara, Miguel Leles, disse que essa proposta vem atender a solicitação de moradores da cidade. Principalmente das áreas próximas ao “lixão”, o Residencial Bom Jesus, Primavera, Shangrilá e Mirante da Lapa. Miguel disse que é preciso encontrar outro local apropriado, sendo “prioridade do Prefeito”, afirmou o presidente.

Crédito das Fotos: Vereador Jair do Leocádio.