Encontro promove intercâmbio entre comunidades tradicionais do Território Velho Chico

0
GrupoSCosta-350x250px

 

Comunidades de fundo de pasto, indígenas e quilombolas do território Velho Chico trocaram experiências sobre as ações implantadas pelo projeto da Companhia de Desenvolvimento e Ação Regional (CAR), Bahia Produtiva. Durante os dias 19 e 20 de julho, o auditório do Hotel Serra do Rio, em Ibotirama, foi palco do 1º Encontro de Integração e Avaliação.

BahiaFArmShow-350x250px

O principal objetivo do encontro foi a consolidação e construção de um ambiente de formação para as comunidades tradicionais, visando instrumentalizar, interagir, avaliar e planejar a execução do Bahia Produtiva em todo o território Velho Chico. O foco está nas ações de investimento que visam garantir geração de renda e segurança alimentar para essas comunidades.

Um dos pontos altos do evento foi o intercâmbio entre as comunidades indígenas, quilombolas e de fundo e fecho de pasto dos territórios Serra do Ramalho, Ibotirama e Muquém do São Francisco, onde ações do projeto Bahia Produtiva foram implementadas com sucesso.

O assistente territorial do Velho Chico, Gilmário Mendes, ficou satisfeito com os avanços obtidos. “Realizamos um encontro para avaliar as ações e visitamos a Associação Indígena Tuxá e Pancaru, em Muquém do São Francisco, onde foram adotadas ações em irrigação para a produção de banana, coco, melancia e hortaliças, além da criação de caprinos e galinha caipira. Todas essas atividades foram alavancadas com a implantação de energia solar para atender à demanda de energia dessas comunidades”.

O projeto Bahia Produtiva se mostrou um importante instrumento de apoio às comunidades tradicionais, impulsionando a produção agrícola e promovendo o desenvolvimento econômico e social nas regiões rurais do território Velho Chico. O encontro proporcionou a troca de experiências entre as comunidades, a avaliação dos resultados já obtidos e a construção de novas estratégias para a expansão e o aprimoramento do projeto.

O Encontro foi realizado pela CAR, em parceria com a Superintendência Baiana de Assistência Técnica e Extensão Rural (Bahiater) e a Prefeitura de Ibotirama.

CAR.