Líder espírita é preso por estupro em Seabra; homem usava autoridade religiosa para coagir mulheres

0
GrupoSCosta-350x250px

 

Um homem, de 50 anos, teve um mandado de prisão cumprido por estupro, por policiais da Delegacia Territorial (DT) de Seabra, na tarde de quinta-feira (20). O suspeito lidera um centro espírita, na cidade.

BahiaFArmShow-350x250px

De acordo com o delegado Jackson Trindade, da 13ª Coordenadoria Regional de Polícia do Interior (Coorpin/Seabra), duas mulheres denunciaram o homem, em março deste ano, quando foi iniciada a investigação. “Uma delas reside em Salvador e contaremos com o apoio da Delegacia Especial de Atendimento a Mulher (Deam) na apuração”.

“Testemunhas também declararam que ele costumava aproveitar da condição de líder espiritual para coagir as mulheres que frequentavam o centro”, acrescentou o coordenador.

A investigação segue, enquanto o homem está custodiado, à disposição do Poder Judiciário.