Ministro do STJ revoga liminar e manda Queiroz de volta à prisão

0
LojaoCosta-350x250px
NELSON ALMEIDA / AFP

A prisão domiciliar do ex-assessor de Flávio Bolsonaro, Fabrício Queiroz, foi revogada em decisão do ministro do Superior Tribunal de Justiça (STJ), Félix Fischer. A informação é do jornal O Globo.

No despacho, o magistrado determina que Queiroz volte para a cadeia. Conforme a reportagem, a decisão também atinge a esposa do assessor, Márcia Aguiar, que antes estava foragida e agora deve ser presa.

LojaoCosta-350x250px

O Globo destaca que a íntegra da decisão ainda não foi divulgada, mas que, no despacho, o ministro Félix Fischer determina a revogação da liminar concedida pelo presidente do STJ, João Otávio Noronha, durante o plantão do Judiciário, que mandou Queiroz e a esposa para a prisão domiciliar.