Piracema: Presidente da Câmara de Bom Jesus da Lapa pede apoio de ribeirinhos na fiscalização da pesca no rio São Francisco

0
LojaoCosta-350x250px

 

Durante sessão da Câmara de Vereadores de Bom Jesus da Lapa nesta quinta-feira(02), o presidente da Câmara, Eduardinho Filho, destacou a importância de uma reunião que foi realizada na última  terça-feira(30) no plenário do legislativo, convocada pela Secretaria Municipal do Meio Ambiente. Na reunião foram discutidas ações conjuntas entre o município e os órgãos ambientais e de segurança. Trabalhos de  fiscalização e ações educativas na região no  período de defeso da piracema serão realizadas.

Pescar durante o período da piracema é crime, lembra o presidente, e as pessoas têm que ter consciência e ajudar na fiscalização do rio São Francisco.

Em se tratando de pesca, Eduardinho destacou que é preocupante o que vem acontecendo no rio São Francisco, “Quero parabenizar a Polícia Militar, a Aeronáutica, a Marinha, a Polícia Ambiental e a Colônia de Pescadores por estarem preocupados com o que está acontecendo nesse período da Piracema”.

Fortefarma-350x250px

Segundo o parlamentar, a situação apresentada na região pelos fiscais do IBAMA é séria e triste, já que muitos pescadores não estão respeitando a lei. “Quero chamar a atenção dos pescadores e ribeirinhos para que respeitem esse período da Piracema, até porque todos estão recebendo o Seguro Defeso do Governo Federal para não pescar nessa época. Porque essa falta de consciência vai prejudicar o próprio pescador  no futuro”, finalizou.

O período de defeso começou no dia 1º de novembro na Bacia Hidrográfica do rio São Francisco. Desde então, está proibida a pesca nos rios e lagoas da região. Mas para fiscalizar toda a extensão do rio, o apoio da população é muito importante. O controle realizado pelos órgãos ambientais e de seguranças Estaduais e Federais, e Secretarias Municipais de Meio Ambiente, precisam que a comunidade também denunciem a pesca ilegal.

Nessa época, além da fiscalização, as ações de educação ambiental e pesquisa também são intensificadas, visando a preservação e conservação das espécies de peixes existentes nos rios. Lembrando que aqueles que forem pegos pescando durante a Piracema podem sofrer multa e podem responder por crime ambiental, além da suspensão do seguro defeso.

Acompanhe o Noticias da Lapa também nas redes sociais através do Instagram e do Facebook.