Hospital Geral de Guanambi-HGG melhora atendimentos e amplia procedimentos após cobranças de prefeitos e prefeitas do Consórcio de Saúde do Alto Sertão

0
LojaoCosta-350x250px

O Hospital Geral de Guanambi, pertence ao governo estadual, sendo uma das maiores unidades públicas de saúde da região Sudoeste da Bahia. O HGG realiza procedimentos de média complexidade de forma gratuita e atende as 23 cidades que integram o Consórcio Interfederativo de Saúde do Alto Sertão. Mas várias reclamações aconteciam sobre os atendimentos das demandas desses municípios.

Prefeitos e prefeitas reunidos debatem sobre melhorias para a saúde na região do CIS Alto Sertão

E essa necessidade de melhoria foi pauta em várias reuniões entre o governador Rui Costa e prefeitos e prefeitas que integram o CIS-Alto Sertão. Foram várias ações que estão permitindo que o HGG amplie esse atendimento e cumpra o seu papel com eficiência.

No mês de fevereiro deste ano, em reunião por videoconferência entre os prefeitos do CIS Alto Sertão e o governador, o prefeito de Palmas de Monte Alto, Manoel Rubens, manifestou-se sobre um grave problema que os municípios estavam enfrentando, principalmente com o transporte de pacientes para realização de procedimentos ortopédicos feitos em municípios muito distantes da região, a exemplo de Salvador, Ilhéus, Itabuna, Barra, Seabra, Rui Barbosa e outros.

De forma positiva Rui Costa sinalizou providências e disse ser inadmissível o que vinha ocorrendo. Ele determinou que a SESAB, tomasse as providências imediatas para solução desse problemas. As reuniões continuaram e num outro encontro virtual com o governador no dia 13 de março, os prefeitos do Consórcio Sertão de Saúde do voltaram a discutir o assunto com o governador, quando a subsecretária da Secretaria de Saúde da Bahia, Dra. Tereza Paim, apresentou aos prefeitos e prefeitas as medidas que estavam sendo tomadas para solução dos problemas enfrentados.

Nessa reunião, o Presidente do CIS Alto Sertão, o prefeito de Iuiu, Reinalldo Góes, sugeriu ao governador a criação de uma Comissão para o Monitoramento e Avaliação dos serviços ofertados no HGG, composta por três membros do CIS, sendo prontamente aceito pelo governador.

BEM_AQUI-350x250px

Em conversa com o Prefeito Reinalldo, Rui Costa informou que já houve uma melhoria significativa no atendimento do HGG. Segundo o Presidente do CIS Alto Sertão, “após reunião com a Dra Tereza Paim, que fez algumas visitas ao HGG, as mudanças começaram a surtir efeito, principalmente com o retorno das cirurgias ortopédicas de emergências e eletivas, reduzindo consideravelmente as viagens em ambulâncias para os diversos municípios distantes da nossa região”.

Góes disse ainda que o governador atendeu outra reivindicação dos prefeitos que era a implantação de procedimentos cirúrgicos de neurocirurgia no HGG. O prefeito do Iuiu reconheceu e agradeceu o empenho de Rui. “Assim como fizemos nossas reclamações e reivindicações referente ao atendimento do HGG, que estava deixando muito a desejar, agora nós prefeitos e prefeitas consorciados ao CIS, queremos agradecer ao governador Rui Costa e à subsecretária, Dra. Tereza Paim, por terem atendido boa parte dos nossos pleitos”, disse Reinalldo Góes.

Com as medidas adotadas, já está sendo possível os municípios encaminharem suas demandas reprimidas de cirurgias ortopédicas eletivas e de emergências, além de outros procedimentos pendentes, como tomografias e monografias.

Ainda segundo Reinalldo Góes, o início dos atendimentos em neurocirurgia com a equipe completa de neurocirurgiões, o HGG passará a melhor atender a população da região:
“O CIS Alto Sertão agradece as intervenções que proporcionam as melhorias, mas continuará atuando fortemente através da Comissão de Monitoramento e Avaliação, composta pelos prefeitos: Manoel Rubens (Palmas de Monte Alto), Dr. Pedro Malheiros (Sebastião Laranjeiras) e Warley Oliveira (Urandi), no sentido de que o atendimento do HGG possa continuar em processo de melhoria, tendo em vista que a saúde é um direito de todos os cidadãos, não podendo haver interrupção dos serviços que obrigatoriamente devem ser prestados com qualidade e igualdade para todos os usuários da região”, finalizou.

 

O HOSPITAL
Com base nas informações da SESAB, o Hospital Regional de Guanambi, considerado um Hospital Geral de Médio Porte, nível secundário, possuindo 140 leitos, é referência de atendimento à gestação de alto risco, às urgências e emergências, possui ambulatório especializado e de segmento, conta com recursos humanos e tecnológicos para a prestação de assistência médica de média complexidade nas clínicas: Médica, Cirúrgica, Pediátrica, Obstétrica, Internamento em UTI neonatal, UTI Adulto, UCI Neonatal e Neurocirurgia.

Serviços de Apoio
Anestesiologia; Clínica médica; Clínica geral; Obstetrícia; Pediatria; Traumato-ortopedia; Neurologia; Cardiologia; Gastroenterologista (em regime de Inter consulta); Procedimentos cirúrgicos:pequenas cirurgias; Consultas médicas: obstetrícia, ginecologia, cardiologia, dermatologia, ortopedia e urologia; Anestesiologia (consulta pré-anestésica); Anatomia patológica; Eletrocardiograma; Endoscopia para pacientes referenciados e em atendimento no HRG; Radiologia convencional e contrastada para pacientes em atendimento no ambulatório, urgência, emergência e internados; Laboratório de Análises clínica: bioquímica, imunologia, uroanalise, bacteriologia geral, hemograma, hemogasometria e fezes; Ultrassonografia para pacientes em atendimento no ambulatório, urgência, emergência e internados; Tomografias computadorizadas; Diagnósticos por teste rápido; Mamografia; Eletroencefalograma.

Fortefarma-350x250px